19 maio 2012

Preparando os filhos para a Ascenção - 18.05.2012



Muitos de meus alunos estão negando sua capacidade de ascender. 

Nos próximos dias, precisaremos que decidam conscientemente, para que possamos determinar como proceder. 

As crianças encarregadas de ascender o farão. 

Se uma criança precisar do desenvolvimento de consciência que o abandono a trará, ela vai aprender essa lição. 

Todas as crianças estavam aptas a escrever seus próprios destinos antes de encarnarem. 

Nenhum acidente irá acontecer. Somente as crianças que tiverem mais um presente a dar à humanidade poderão ascender, cumprindo assim seus contratos. 

Os pais devem abandonar a atitude de posse. Dar aos filhos amor e orientação, e não superproteção. Permitam que eles façam suas próprias escolhas e que encontrem suas próprias lições. Detenham-se antes de pedir que não corram riscos. 

As crianças precisam controlar seu próprio movimento de consciência. Como pai ou mãe, dêem a eles a coragem para fazer o que precisam fazer para avançar. 

Eles ascenderão com vocês?


A maioria já está ciente dessa escolha e aguarda esse acontecimento. Escolham somente por si mesmos. 

O apego não é tão amoroso quanto o desapego. O apego significa para os outros: dependência. Ele comunica que vocês não tem a capacidade de serem felizes sem essa conexão, uma mensagem não saudável. 

Filhos não são propiedades.

Dar vida a uma criança não implica a obrigação de controlar suas escolhas. A vida é um presente para eles, e uma oportunidade de vocês aprenderem com as lições que eles trarão. 

O que isso tem a ver com ascensão? 

Nada, está nos contratos feitos entre a criança e os dois que a conceberam. Ascensão, por outro lado, é um contrato dela com Deus, aquele que criou cada uma delas da forma em que escolheram. 

Seguir o chamado do coração significa olhar somente para o seu próprio contrato. Se ainda estão indecisos sobre isso, pode ser que estejam esperando alguém decidir por vocês.

O que pode ser mais importante que o contrato que fizeram por sua ascensão? 

Somente um ego desejaria algo além disso. Isso acontece porque o ego ainda está no comando, e um ego não tem consciência do cenário completo. 

Um Despertar integral ainda não ocorreu para aqueles que ainda estão considerando alguma coisa que não seja a ascensão. 

Façam suas escolhas, e não se preocupem com as escolhas dos outros membros de sua família. 

Todos eles tem um contrato com Deus, e o que está contido nesse contrato é a necessidade de que eles façam escolhas. Não importa se as escolhas deles coincidem ou não com as suas. 

Eles precisam determinar seu próprio destino. Você não é responsável por escolher o destino deles, apenas oferecer as lições que eles precisam receber sob seus cuidados. Além disso, precisam estar desapegados o suficiente para permitir-lhes a escolha de serem ou não apegados a vocês. 

O que Deus desejaria para eles? 

Perguntem isso para si mesmos durante a infância deles. Deus gostaria que fossem auto-confiantes, cheios da força vital, e capazes de cuidar de si mesmos com a consciência do melhor para si e para os outros. 

Podem oferecer isso como pais? 

Não apenas um nome e uma educação proibitiva. Ser pai ou mãe é um chamado ao desapego. 

Quando amam verdadeiramente, o apego não faz parte desse amor. Apego é dependência. Amor é dar, sem exigir nenhum comportamento. 

A mudança do apego para o amor genuíno deve ser feita, como uma lição sobre afeto e controle. Controle não é o mesmo que afeto! 

Terapeutas infantis estão procurando outorgar à criança o poder e a preocupação com suas esolhas. Reações negativas às escolhas de uma criança por parte de seus tutores anulam essa orientação terapêutica. 

Na maioria dos casos, os pais precisam de terapia mais do que as crianças.

A coragem é uma qualidade a ser estimulada nas crianças. Quando elas não querem assumir riscos, é bem provável que seja por medo de aborrecer os pais. 

Quando a ascensão é uma opção, deve-se arriscar. É o risco de abandonar todos os confortos e aparências deste mundo, para descobrir um mundo completamente diferente.

Vocês e seus filhos desejam entrar nesse mundo? 

Eles tem coragem suficiente?

Eles tem competência para atravessar as dimensões superiores por conta própria? Encoragem-nos a enfrentar seus medos e abandonar seus apegos, para que possam ter sucesso no destino que eles mesmos escolheram. 

Libertem-nos, não os controlem. Amem-nos, não se apeguem a eles. 

Após a ascensão, aqueles que permanecerem na Mãe Terra podem ascender na onda ascensional final. 

Quando isso acontecerá depende das condições após os primeiros desaparecimentos. 

Talvez aqueles que vocês adorem, que não ascenderam com vocês, poderão ascender nessa onda. 

Pode depender da coragem que podem incentivar neles agora. 

EU SOU AQUILO QUE SOU 

Mestre Ascensionado Saint Germain

Canalizado por Aruna
Fonte: http://comptedesaintgermainsblog.blogspot.com



Copyright © 2012-2013. Por Matéria Sublime e Sementes das Estrelas. Todos os direitos reservados. É dada permissão para copiar e distribuir este material contanto que o conteúdo seja transmitido integralmente e sem alteração, o autor seja creditado, seja distribuído gratuitamente, e esta nota de direitos e o link sejam incluídos. 
Enviar um comentário